Após atingir 100% de ocupação, Mogi Guaçu amplia oferta de leitos de UTI na Santa Casa


Prefeitura abriu dez novas vagas, totalizando 20 leitos exclusivo para Covid-19. Todos os hospitais da cidade estão lotados, segundo balanço da administração. Santa Casa de Mogi Guaçu inaugura 10 leitos de UTI para tratamento de Covid-19
Após atingir 100% de ocupação em UTIs, Mogi Guaçu (SP) ampliou o número de vagas na Santa Casa do município. Desde segunda-feira (31), a unidade médica passou a ter 20 leitos exclusivos para tratar pacientes com Covid-19 – dez a mais do que anteriormente. O local é o principal hospital da cidade para enfrentamento da doença.
De acordo com a prefeitura, os novos leitos tiveram custo de R$ 1,8 milhão e o financiamento partiu de empresas que fizeram uma parceria com a administração. Além das novas vagas, foram comprados equipamentos como monitores, ventiladores pulmonares e cilindros de oxigênio.
Além da Santa Casa, outras unidades de saúde da cidade, como o Hospital Municipal Tabajara Ramos e o Hospital São Francisco também estão com todos os leitos de UTI Covid ocupados, de acordo com a última atualização do Executivo.
Santa Casa de Mogi Guaçu
Reprodução/EPTV
Região
Outras cidades da região de Campinas (SP) também registram UTIs Covid-19 lotadas em meio à fase de transição do Plano SP, em virtude do aumento de pacientes infectados que precisam ser internados. Veja como está a situação nos dez maiores municípios da região
Já em em Amparo (SP), estância turística do Circuito das Águas, a prefeitura decidiu retornar à fase emergencial e decretar um lockdown aos finais de semana.
VÍDEOS: saiba tudo sobre Campinas e Região
Veja mais notícias da região no G1 Campinas