Campinas autua clínica médica e interdita tabacaria por desrespeito às regras da fase emergencial


Clínica não impôs distanciamento entre os guichês de atendimento, enquanto tabacaria funcionava com atendimento presencial. Prefeitura realizou ação de fiscalização a estabelecimentos nesta sexta-feira (26)
Fernanda Sunega
O Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) de Campinas (SP) interditou uma tabacaria e multou uma clínica médica que desrespeitaram as regras da fase emergencial do Plano São Paulo. A fiscalização ocorreu durante a tarde de noite de sexta-feira (26).
A clínica médica fica no distrito de Nova Aparecida. A equipe de fiscalização constatou que não havia distanciamento entre os guichês de atendimento.
Durante a noite, uma tabacaria que permitia a entrada de clientes foi interditada. Na fase emergencial, apenas serviços considerados essenciais podem receber pessoas. Os demais estão restritos ao funcionamento por delivery ou drive-thru (veja as regras).
Nessa ação noturna, os fiscais percorreram os bairros Nova Europa, Swiss Park, Jardim do Trevo e Jardim Campos Elíseos. Ao todo, 19 estabelecimentos foram fiscalizados, mas só a tabacaria interditada.
Denúncias de descumprimento das medidas restritivas podem ser feitas pelo número de telefone 156 e pelo 0800-771 3541.
PLAYLIST: Veja mais assuntos de Campinas e região

Veja mais notícias da região em G1 Campinas.