Cocaína e K4 são apreendidos em encomendas enviadas ao CPP de Hortolândia


Segundo a SAP, as drogas apreendidas no Centro de Progressão Penitenciária teriam sido enviadas pelas mães dos presos. Caso foi registrado na delegacia da cidade. Droga apreendida foi levada a delegacia de Hortolândia (SP) onde o caso foi registrado
Divulgação Secretaria da Administração Penitenciária (SAP)
Agentes penitenciários apreenderam porções de cocaína e de K4, droga sintética com efeito 100 vezes maior do que o da maconha, em duas encomendas enviadas ao Centro de Progressão Penitenciária de Hortolândia (CPPH), nesta quarta-feira (24).
De acordo com a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), as drogas foram encontradas no momento em que as encomendas eram revistadas. Parte da cocaína estava escondida dentro de bombons e a outra em uma tampa de sabão em pó líquido, os papéis de K4 estavam em uma caixa.
Os dois remetentes que enviaram as drogas estão cadastrados como mães dos presos que receberiam as encomendas. A unidade prisional abriu um procedimento disciplinar contra os presos, que poderão regredir para o regime fechado.
Todo o material apreendido foi encaminhado para a Delegacia de Hortolândia (SP), onde o caso segue sendo investigado.
Unidade prisional abriu procedimento disciplinar contra os presos para investigar o caso
Divulgação Secretaria da Administração Penitenciária (SAP)
VÍDEOS: Tudo sobre Campinas e Região
Veja mais notícias da região no G1 Campinas