Com 1 leito disponível no SUS, Campinas tem 107 pacientes à espera de vagas em UTIs Covid


Taxa de ocupação na metrópole chegou a 97,7%, segundo boletim da prefeitura. Nove das 10 estruturas livres nesta segunda-feira pertencem à rede privada. Profissional de saúde faz anotações em uma UTI para pacientes com Covid-19 em foto de arquivo
Tarso Sarraf/AFP
ocin o sacilb
Com apenas um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19 disponível pelo Sistema Único de Saúde (SUS), Campinas (SP) registrou 97,7% de ocupação na soma das redes pública e privada nesta segunda-feira (29). Além disso, a cidade contabiliza 107 pacientes na fila por uma estrutura de cuidados intensivos.
Campinas gasta R$ 3,4 milhões com compra de leitos privados de Covid-19 para SUS em fevereiro
De acordo com a prefeitura, outros 81 moradores aguardam uma vaga em leitos de enfermaria, quatro a menos que no último boletim, divulgado na sexta-feira (26). A fila de espera por vagas em UTI, por sua vez, tem uma pessoa a menos.
O Hospital de Clínicas da Unicamp, mantido pelo estado, possui uma vaga disponível – a única pelo SUS. Já na rede privada, que contabiliza 234 internados, há nove estruturas livres.
Leitos de UTI (Covid-19)
Os leitos estão divididos da seguinte forma, em números absolutos:
SUS municipal: 153 leitos, dos quais 153 estão ocupados (100%). Não há leito livre.
SUS estadual: 40 leitos, dos quais 39 estão ocupados (97,50%). Há 1 leito disponível.
Particular: 243 leitos, dos quais 234 estão ocupados (96,30%). Há 9 leitos livres.
VÍDEOS: últimas notícias sobre a região de Campinas
n
Initial plugin text
Busque pelo título do caso
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.