Covid-19: Campinas confirma mais 21 mortes e chega a 2.116; casos são 76,5 mil


Depois de dois dias com problemas no sistema do Ministério da Saúde, prefeitura atualizou 1.202 novos casos positivos – é o maior número já divulgado em um único boletim. Movimentação de equipes médicas na chegada de pacientes com covid-19 ao Hospital Metropolitano, em Campinas, no interior de São Paulo, na manhã deste sábado, 13 de março de 2021
Karen Fontes/Código19/Estadão Conteúdo
Um dia depois de bater o recorde de mortes confirmadas por Covid-19 em 24 horas, Campinas (SP) notificou, nesta sexta-feira (19), mais 21 óbitos de moradores, o que elevou para 2.116 o total de vidas perdidas na metrópole durante a pandemia.
Já o número de casos positivos, cuja notificação foi prejudicada por dois dias por falha no sistema do Ministério da Saúde, pulou para 76.561 com 1.202 novas confirmações – recorde em um único boletim.
Os novos casos e mortes contabilizados pelo governo municipal não significam, necessariamente, que ocorreram todos no dia da divulgação, mas sim que foram registrados no sistema nesta data.
Considerando somente os 19 primeiros dias de março deste ano, 199 moradores perderam a vida para a Covid-19. Nesta semana, todos os dias os boletins notificaram mais de 20 óbitos.
Mortes confirmadas por boletim/dia:
15/03: 21
16/03: 23
17/03: 24
18/03: 30
19/03: 21
Números atualizados pela administração nesta sexta-feira:
Confirmados: 76.561 (1.202 a mais)
Óbitos: 2.116 (21 a mais)
Idade, sexo, comorbidades: veja o perfil das vítimas em Campinas
Acompanhe no gráfico abaixo o total de casos positivos desde 13 de março de 2020, quando Campinas registrou o primeiro morador infectado, e o acumulado diário com dados da administração.
Mortes
A relação de vítimas divulgada nesta sexta-feira inclui 11 homens e 10 mulheres. Dentre os pacientes, 18 tinham histórico de doenças preexistentes (comorbidades), e cinco tinham menos de 60 anos – veja detalhes abaixo.
10/03: Homem, 68 anos, sem comorbidades.
13/03: Mulher, 71 anos, com comorbidades.
14/03: Mulher, 54 anos, com comorbidades.
15/03: Homem, 75 anos, com comorbidades.
16/03: Homem, 42 anos, com comorbidades.
16/03: Mulher, 62 anos, com comorbidades.
16/03: Homem, 86 anos, com comorbidades.
16/03: Homem, 96 anos, com comorbidades.
17/03: Homem, 50 anos, com comorbidades.
17/03: Homem, 53 anos, sem comorbidades.
17/03: Mulher, 60 anos, com comorbidades.
17/03: Mulher, 67 anos com comorbidades.
17/03: Homem, 68 anos, com comorbidades.
17/03: Homem, 75 anos, com comorbidades.
17/03: Mulher, 77 anos, com comorbidades.
17/03: Mulher, 84 anos, com comorbidades.
18/03: Mulher, 59 anos, com comorbidades.
18/03: Homem, 60 anos, com comorbidades.
18/03: Mulher, 67 anos, sem comorbidades.
18/03: Homem, 73 anos, com comorbidades.
18/03: Mulher, 76 anos, com comorbidades.
Confira a curva do número de mortes acumuladas por dia do registro do óbito desde o início da pandemia no gráfico abaixo.
VÍDEOS: especialistas tiram dúvidas sobre vacinas contra a Covid-19
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.