Pressão na rede particular aumenta, e Campinas registra 97,5% de ocupação em UTIs Covid


Sem leitos disponíveis nos hospitais municipais, número de internados no município continua a subir. HC da Unicamp tem uma estrutura vaga. Profissional de saúde trata paciente com Covid em UTI
Amanda Perobelli/Reuters
Com o aumento no total de internados nos hospitais da rede particular, Campinas (SP) registrou 97,56% de ocupação nos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para Covid-19 nesta sexta-feira (19). O boletim divulgado pelo prefeitura revela ainda que, atualmente, há 400 pacientes em internação na metrópole.
Acompanhe, dia a dia, a ocupação de leitos em Campinas
Ainda que tenham acrescentado sete leitos ao balanço total de estruturas disponíveis, os hospitais particulares receberam mais 15 pacientes nas últimas 24 horas e, com isso, elevaram a taxa de ocupação para 96,09%, um aumento de quatro pontos percentuais em relação ao dia anterior.
Assim como nos boletins anteriores, a cidade segue sem vagas disponíveis na rede municipal. O Hospital de Clínicas da Unicamp, mantido pelo estado, possui somente uma estrutura livre.
Os leitos estão divididos da seguinte forma, em números absolutos:
SUS municipal: 140 leitos, dos quais 140 estão ocupados (100%). Não há leito livre.
SUS estadual: 40 leitos, dos quais 39 estão ocupados (97,5%). Há 1 leito disponível.
Particular: 230 leitos, dos quais 221 estão ocupados (96,09%). Há 9 leitos aptos.
Hospital de campanha
O governo do estado planeja a abertura de um hospital de campanha no Ambulatório Médico de Especialidades (AME). A unidade já foi usada, por cinco meses em 2020, para atendimento exclusivo de pacientes com Covid-19, o que reforçou o número de leitos do estado na cidade.
Segundo a assessoria de imprensa da secretaria estadual de Desenvolvimento Regional, a previsão é que a unidade de saúde comece a receber pacientes entre 26 e 29 de março.
O hospital vai funcionar com 25 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e cinco de enfermaria. Além da estrutura em Campinas, outras 11 serão montadas até o fim do mês em cidades do estado.
VÍDEO: médicos e autoridades relatam o pior momento da pandemia no Brasil
Profissionais de Saúde na linha de frente e autoridades avaliam pior momento da pandemia
Initial plugin text
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.