Socorro e Monte Mor oferecem oficinas culturais durante o mês de abril em parceria com o estado


As “Oficinas Culturais – Formação para o Interior” acontecerão online e as inscrições já estão abertas; prazos variam de acordo com as aulas escolhidas. Oficinas culturais gratuitas tem prazo máximo até dia 28/03.
Prefeitura de Sorocaba/Divulgação
O Governo Estadual realiza o evento virtual “Oficinas Culturais – Formação para o Interior” em parceria com duas cidades da região: Socorro (SP) e Monte Mor (SP). A inscrição deve ser feita através dos formulários disponibilizados no site Poeisis. As datas variam de acordo com as oficinas escolhidas, sendo o prazo máximo dia 28 de março.
Dúvidas deverão ser encaminhadas para o e-mail [email protected] As aulas serão online, pela plataforma Zoom, e acontecerão durante todo o mês de Abril.
Confira mais detalhes sobre a programação:
Clube De Leitura E Escrita Na Pandemia: Crônicas Para Ver, Viver E Desdobrar A Vida Em Palavras
Horário: 18h às 20h
Datas: Segundas e Quartas, de 1º a 28 de Abril
Inscrições: 50 Vagas disponíveis neste formulário até 24/03
Público-alvo: a partir de 16 anos
Coordenação: Helena Silvestre
Sinopse:
A pandemia limitou a nossa movimentação pelos lugares e restringiu os cenários que tocamos com nossos olhos e com nossos corpos. No entanto, a literatura sempre foi uma janela para viajar a outros mundos e, ao mesmo tempo, uma lente que permite ver, nos mesmos lugares, realidades novas. Atravessaremos o portal das crônicas, leremos juntos autoras do gênero e faremos exercícios de enxergar e escrever sobre os mundos diversos que coabitam nosso cotidiano.
Desenvolvimento De Projetos E Portfólios
Horário: 14h às 16h
Datas: Segunda-feira, 5 de abril
Quarta-feira, 7 de abril
Sexta-feira, 9 de abril
Terça-feira, 13 de abril
Inscrições: 25 Vagas disponíveis neste formulário até 24/03
Público-alvo: Jovens, estudantes, artistas, agentes culturais, profissionais da área de arte e cultura, interessados em documentação de artista em geral, arte educadores.
Coordenação: Natalie Mirêdia
Sinopse:
Esta oficina visa realizar o acompanhamento de diferentes projetos na área de arte e cultura em geral. Os conteúdos a serem discutidos visam incentivar a produção de cada participante através da leitura de portfólio, comentários críticos e orientações de cunho prático e teórico. A ideia é que os participantes possam apresentar seus trabalhos, projetos ou portfólios, com dúvidas e questões e, em seguida, recebam os comentários da artista educadora e dos demais integrantes do grupo, fomentando um debate construtivo para todos. Os encontros fornecem impulsos para o processo criativo de cada um e atuam também na formação do repertório e das bases conceituais que sustentam a produção artística.
Uma Lente Sobre O Feminismo – Registros Audiovisuais Sobre A Luta Feminista A Partir Dos Anos 80
Horário: 18h às 20h
Datas: Segunda-feira, 5 de abril
Terça-feira, 6 de abril
Quarta-feira, 7 de abril
Inscrições: 30 Vagas disponíveis neste formulário até 24/03
Público-alvo: Interessados a partir de 16 anos.
Coordenação: Rita Quadros e Vitória Bredoff
Sinopse:
Cada um dos encontros será composto pela exibição de um filme-documentário (os links serão disponibilizados durante cada encontro) que registra diferentes aspectos da luta feminista: diversidade sexual, raça, feminicídio, violência contra a mulher, moradia, saúde, educação e creche, seguido de um momento expositivo e roda de conversa. Além disso, a atividade contará com indicação bibliográfica e os textos serão disponibilizados em formato PDF para as participantes da atividade.
Oficina De Dublagem
Turma A
Horário: 10h às 12h
Datas: Terça-feira, 6 de abril
Quinta-feira, 8 de abril
Terça-feira, 13 de abril
Quinta-feira, 15 de abril
Turma B
Horário: 10h às 12h
Datas: Segunda-feira, 12 de abril
Quinta-feira, 14 de abril
Terça-feira, 16 de abril
Segunda-feira, 19 de abril
Inscrições: 8 vagas por turma disponíveis neste formulário até 24/03
Público-alvo: Atrizes e atores interessados em aprender as ferramentas e técnicas da dublagem. A partir de 16 anos.
Materiais necessários: Computador conectado à internet, fone de ouvido, rede wifi
Coordenação: Thais Lucena
Sinopse:
A atividade oferecerá a atrizes e atores ferramentas para iniciar sua trajetória na área da dublagem compartilhando técnicas, dicas e outras informações relevantes sobre a técnica em desenhos, filmes e reality shows.
Fotografia Básica – Composição E Enquadramento
Horário: 14h às 16h
Datas: Terça-feira, 6 de abril
Quinta-feira, 8 de abril
Terça-feira, 13 de abril
Quinta feira, 15 de abril
Inscrições: 30 Vagas disponíveis neste formulário até 24/03
Público-alvo: Fotógrafos iniciantes, a partir de 16 anos, ou qualquer pessoa interessada em fotografia. Não é necessário conhecimento prévio, mas é importante ter curiosidade
Materiais necessários: câmera fotográfica ou celular com câmera.
Coordenação: Henriique
Sinopse:
Esta oficina tem como objetivo apresentar os princípios básicos da fotografia digital e a importância da composição e do enquadramento como meios de expressão na linguagem fotográfica. O processo inclui apresentação de referências, exercícios práticos e análise de imagens.
O Inconsciente Criativo: Um Estudo Sobre Atuação E Vida
Horário: 14h às 16h
Datas: Terça-feira, 6 de abril
Terça-feira, 13 de abril
Quinta feira, 15 de abril
Terça-feira, 20 de abril
Quinta-feira, 8 de abril
Inscrições: 30 Vagas disponíveis neste formulário até 24/03
Público-alvo: Estudantes de teatro, de cinema, de vídeo, artistas e educadores e/ou profissionais de áreas afins.
Coordenação: Patrícia Teixeira
Sinopse:
A atividade propõe uma leitura simbólica da realidade cênica e performática, a partir dos conceitos junguianos como possibilidade de ampliação do olhar do ator/atriz no que concerne à sua atuação e os símbolos envolvidos na relação entre arte e vida, oferecendo uma possibilidade de apreensão de conteúdos inconscientes no processo criativo e no processo de vida.
Órgãos E Astros | Escrita De Cinema & Literatura
Horário: 14h às 16h
Datas: Terças-feiras, de 9 a 30 de abril
Inscrições: 30 Vagas disponíveis neste formulário até 28/03
Público-alvo: Interessados a partir de 16 anos.
Coordenação: Ana Paula Ferraz e Julia Almeida Alquéres
Sinopse
A experiência de um corpo no mundo é o ponto de partida dessa oficina de escrita para uma sondagem que mistura o texto literário e cinematográfico. Aberta a todas as pessoas interessadas numa experiência poética da escrita e nas relações entre imagem e palavra.
O Poder Das Narrativas Em Tempos Crise
Horário: 14h às 16h
Datas: Segunda-feira, 12 de abril
Quarta-feira, 14 de abril
Sexta-feira, 16 de abril
Inscrições: 20 Vagas disponíveis neste formulário até 28/03
Público-alvo: Educadores, outros profissionais da educação das Redes Públicas de Ensino e Educação dos Municípios do Estado de São Paulo, mães, pais e/ou cuidadores.
Coordenação: Adriana Campos e Caterina Rino (Collectivus de Leitura)
Sinopse:
A oficina reflete sobre as potências das trocas narrativas e sobre as estratégias possíveis para constituí-las no cotidiano familiar, escolar e/ou comunitário, entendendo que compartilhar experiências narrativas, literárias ou ordinárias é um dispositivo benéfico e oportuno em contextos de crise individual ou coletiva como as que vivenciamos na atualidade. A palavra, nestes contextos, é uma potente possibilidade de troca de afetos. Ler não passa somente pela capacidade de decodificação das palavras, atravessa e (re) constrói subjetividades, dá sentido ao uso da palavra.
Nós Já Conhecíamos A Beleza Antes Dela Existir: Imagem E Autoimagem Do Negro Na Arte E Na Cultura Visual
Horário: 18h às 20h
Datas: Terça-feira, 13 de abril
Quinta-feira, 15 de abril
Terça-feira, 20 de abril
Quinta-feira, 22 de abril
Inscrições: https://forms.gle/QS2yTZgDysn6NXgY9 | 30 Vagas disponíveis neste formulário até 28/03
Público-alvo: A partir dos 16 anos, estudantes, professores, artistas e interessados em geral.
Coordenação: Elidayana Alexandrino
Sinopse:
A proposta do curso é apresentar a produção visual de artistas africanos e afrodescendentes, observar como contam suas próprias narrativas por meio de diferentes linguagens num movimento de valorização da cultura e beleza negra. De forma anacrônica analisar representações do negro ao longo da história, levantando aspectos do olhar colonial que contribui até os dias de hoje para manutenção dos estereótipos impregnados no inconsciente coletivo.
VÍDEOS: Tudo sobre Campinas e região
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.