Últimas notícias de coronavírus na região de Campinas em 26 de março de 2021


Veja a atualização em cada município da área de cobertura do G1. Confira as últimas notícias sobre o coronavírus na região
Hellen Souza/Arte-G1
dutua oo
Começa a valer nesta sexta-feira (26) o novo decreto da prefeitura de Campinas (SP) que endurece as regras da quarentena da Covid-19. A partir de agora, fica permitido o acesso de apenas uma pessoa por família em estabelecimentos como mercados e padarias, o drive-thru passa a ser exclusivo para o setor de alimentação e as entradas da cidade terão barreiras sanitárias, em ação conjunta da Região Metropolitana de Campinas (RMC), para coibir “deslocamentos desnecessários”.
O avanço nas restrições inclui o fechamento de concessionárias e lojas de vendas de veículos, além do atendimento apenas em casos de urgência e emergência de clínicas veterinárias e pet shops, serviços de manutenção predial e assistência técnica de equipamentos.
O que muda
Padarias, supermercados, atacadistas e comércios em geral que vendam gêneros alimentícios e produtos de limpeza: passa a valer o limite de uma pessoa por família. O atendimento é presencial até as 20h, podendo atender delivery até o limite de horário regular do estabelecimento;
Comércios e prestadores de serviço: atendimento somente por delivery até o limite de horário regular do estabelecimento;
Barreiras sanitárias: ação de orientação, nas entradas e principais corredores de Campinas, para coibir turistas paulistanos durante a antecipação de feriados na capital;
Concessionárias e lojas de vendas de veículos: fica proibido o atendimento presencial;
Clínicas veterinárias e pet shop: atendimento apenas para casos de urgência e emergência;
Manutenção predial, elétrica e hidráulica: apenas casos de urgência e emergência;
Serviços de assistência técnica: atendimento apenas para casos emergenciais, para equipamentos médicos/hospitalares, e relacionados às atividades de trabalho.
As novas determinações, válidas até o dia 4 de abril, se somam as regras do toque de recolher na fase emergencial, que seguem em vigor, e tentam aumentar o isolamento social para frear o avanço de casos, mortes e internações na cidade.
Campinas chegou a 2.226 mortes por Covid e atingiu o recorde de internados em UTI para tratamento da doença. Além disso, 213 pacientes estão na fila por leitos no SUS.
Veja o que muda com as novas restrições aos serviços essenciais em Campinas
Casos e mortes
Desde o início da pandemia, já foram contabilizados 205.975 registros positivos da doença e 5.372 mortes nos 31 municípios da área de cobertura do G1 Campinas.
MAPA: casos de coronavírus pelo Brasil
Coronavírus: veja perguntas e respostas
Vacinômetro
Total de pessoas que receberam ao menos 1 dose: 273.115 (7,87% da população)
Total de pessoas que receberam 2 doses: 92.491 (2,66% da população)
Total de doses aplicadas: 365.606
VÍDEOS: tudo sobre a vacinação no Brasil

1xVelocidade de reprodução0.5xNormal1.2×1.5x2x

Initial plugin text
Busque pelo título do caso
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.