Vacina Covid: Campinas abre agenda para pessoas com comorbidades a partir de 18 anos e todas as grávidas e puérperas


A partir das 12h desta segunda-feira (7), pessoas desses grupos podem fazer o agendamento para tomar a primeira dose do imunizante contra coronavírus. Cidade terá 3º Dia D no sábado 12 de junho. Gestantes sem comorbidades podem agendar vacinação em Campinas
Eliana Nascimento/G1
A Prefeitura de Campinas (SP) abre às 12h desta segunda-feira (7) o agendamento para vacinar contra Covid-19 pessoas com problemas de saúde (comorbidades) a partir de 18 anos e também para todas as mulheres grávidas e as que tiveram parto em até 45 dias (puérperas).
No caso do grupo de mulheres, elas serão vacinadas com doses da Pfizer, que chegaram na metrópole há alguns dias. As datas possíveis para a aplicação são nesta semana, e não nesta segunda, apesar do anúncio feito pelo governo estadual na semana passada.
Já os jovens com comorbidades devem apresentar comprovação da situação da saúde – veja no fim da reportagem a lista de doenças incluídas na campanha do Ministério da Saúde.
O agendamento para esses dois novos grupos e também para os demais já abertos deve ser feito na página especial da prefeitura para a campanha contra Covid-19. O número de vagas abertas nesta segunda não foi divulgado pela Secretaria de Saúde do município.
Guia: veja quem pode tomar a vacina hoje em Campinas
Acompanhe a evolução da vacinação contra Covid nas 31 cidades da região
Grávidas e puérperas serão vacinadas com doses da Pfizer
Geraldo Bubniak/Divulgação/Sesa
Novo Dia D programado
A administração municipal também divulgou que o 3º Dia D de vacinação contra Covid-19 tem data marcada para o próximo sábado (12). Serão contemplados todos os grupos que podem ser vacinados dentro do estabelecido na campanha.
Ao todo, 26.880 vagas serão abertas para esta data e 64 Centros de Saúde vão abrir para a aplicação das doses. O agendamento é online, também pela página da prefeitura.
Vacina da Pfizer
Na sexta (4) o estado enviou 14.004 doses da vacina da Pfizer ao Centro de Vigilância Epidemiológico (GVE) de Campinas. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, o imunizante é destinado para esse público-alvo (grávidas e puérperas sem comorbidadades).
O Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) de Campinas passou por dois treinamentos na semana passada para receber as vacinas contra Covid-19 da Pfizer/BioNTech e aplicar na população.
Que vacina é essa? Pfizer Biontech
O que é considerado comorbidade?
O governo de São Paulo segue os critérios de comorbidade definidos pelo Ministério da Saúde:
Insuficiência cardíaca
Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar
Cardiopatia hipertensiva
Síndrome coronariana
Valvopatias
Miocardiopatias e pericardopatias
Doença da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas
Arritmias cardíacas
Cardiopatias congênitas no adulto
Próteses valvares e dispositivos cardíaco implantados
Diabetes mellitus
Pneumopatias crônicas graves
Hipertensão arterial resistente
Hipertensão artéria estágio 3
Hipertensão artéria estágio 1 e 2 com lesão e órgão alvo
Doença cerebrovascular
Doença renal crônica
Imunossuprimidos
Anemia falciforme
Obesidade mórbida
Cirrose hepática
Portadores do vírus HIV
Doença neurológica
De acordo com a coordenadora do programa estadual de imunização, Regiane de Paula, pacientes com câncer estão incluídos na categoria de “imunossuprimidos”.
Comorbidades: veja formulário sobre problemas de saúde aceitos para vacinação
Endereços dos centros de imunização de Campinas
CVI – Centro de Vivência do Idoso na Lagoa do Taquaral – Avenida Doutor Heitor Penteado, s/nº – Portão 5, com área de estacionamento
Escola Caic Zeferino Vaz – Rua José Augusto de Mattos, s/nº – Parque Residencial Vila União
Círculo Militar de Campinas – Avenida Getúlio Vargas, 200 – Jardim Chapadão
Casa da Criança Paralítica – Rua Pedro Domingos Vitali, nº 160 – Parque Itália
Centro de Imunização Noroeste (antigo prédio da Naed Noroeste) – Rua Augusta Parreira Belinteni, s/nº – Vila Castelo Branco
VÍDEOS: veja o que é destaque na região de Campinas
Veja mais notícias da região no G1 Campinas