Vacinação contra gripe chega ao 50º dia e adesão ainda é baixa em Campinas; veja quem pode tomar dose em junho


Campanha nacional começou em 12 de abril e segue até 9 de julho. A partir da semana que vem, pessoas com problemas de saúde, trabalhadores do transporte coletivo e da segurança pública podem receber a vacina. Vacinação da gripe segue até 9 de julho
Daniel Castellano/SMCS
A campanha de vacinação contra gripe completa 50 dias nesta terça-feira (1) e segue com baixa adesão em Campinas (SP). A diretora do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa), Andrea Von Zuben, reforçou em coletiva de imprensa a importância da vacina de dose única que protege contra Influenza A-H1N1, Influenza A-H3N2 e Influenza B.
“A gente não entende porque a população – tendo acesso a uma vacina boa, segura, de vírus morto, que não causa gripe, uma vacina que protege também contra internações, também contra o fato de algumas pessoas agravarem e irem a óbito – prefere não ir [se vacinar]”, afirma.
A campanha nacional de vacinação começou em 12 de abril e vai até 9 de julho. Até o último balanço divulgado pela Prefeitura de Campinas, 134,9 mil doses tinham sido aplicadas nas populações que fazem parte do público-alvo, sendo que idosos, professores, gestantes e trabalhadores da saúde ainda não tinham alcançado 50% do total esperado.
“Todo ano a gente tem óbitos de Influenza, principalmente em bebês, grávidas e pessoas mais velhas. A gente continua fazendo o apelo para que a população tome a vacina, é de graça”, completa Andrea.
A vacina da gripe é produzida pelo Instituto Butantan e está disponível em 67 Centros de Saúde da metrópole. No próximo feriado de Corpus Christi, no entanto, não será aplicada porque será realizado um Dia D de imunização contra a Covid-19, ressaltou o Devisa.
Quem já pode tomar a vacina:
Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade
Profissionais da saúde
Gestantes
Mulheres que tiveram bebês em até 45 dias (puérperas)
Idosos – acima de 60 anos
Professores das redes pública e particular
A tabela abaixo mostra o último balanço de vacinação divulgado pela Secretaria de Saúde, com dados até o dia 27 de maio. O total da população em cada público-alvo foi atualizado pela prefeitura. Somente as mulheres que tiveram bebês em até 45 dias (puérperas) e crianças haviam passado de 50%.
Campanha de vacinação contra gripe em Campinas
Mais um grupo em junho
O último grupo de pessoas que integram a campanha nacional poderá começar a se vacinar no dia 9 de junho [veja abaixo]. Ainda não se sabe se a campanha será prorrogada.
Pessoas com comorbidades (problemas de saúde)
Pessoas com deficiência (física, auditiva, visual, intelectual e mental ou múltipla)
Caminhoneiros
Trabalhadores portuários e de transporte coletivo
Profissionais das forças armadas, de segurança e salvamento
Funcionários do sistema prisional
População privada de liberdade e jovens e adolescentes sob medidas socioeducativas
VÍDEOS: veja o que é destaque na região de Campinas
Veja mais notícias da região no G1 Campinas