SaúdeCovid-19: letalidade da doença caiu quatro pontos percentuais desde...

Covid-19: letalidade da doença caiu quatro pontos percentuais desde maio

-

A taxa de letalidade no Brasil da Covid-19 nesta segunda-feira, 12, está em 2,9%, um número quatro pontos percentuais menor do que o aferido em 3 de maio, quando os indicadores apontavam para 6,9%. Trata-se de um patamar que passou por uma franca redução ao longo da pandemia. Em agosto, por exemplo, a taxa estava em 3,4%.

Leia nesta edição: os planos do presidente para o Supremo. E mais: as profundas transformações provocadas no cotidiano pela pandemiaVEJA/VEJA

De acordo com os dados disponibilizados na plataforma digital da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos, a letalidade mundial está em 2,8%, ligeiramente inferior ao aferido no Brasil. Este cálculo é baseado na taxa de mortes em decorrência da doença sobre o número de diagnósticos confirmados, deste modo é possível ter uma ideia aproximada da gravidade da doença e da eficácia dos tratamentos disponíveis. No caso da Covid-19, a redução da letalidade também aponta para outro avanço ao longo da pandemia: o aumento do número de testes, que permitiu um maior monitoramento da infecção.

Em agosto, a Organização Mundial da Saúde estimou que a real letalidade do coronavírus globalmente seria inferior aos números conhecidos, algo em torno de 0,6%. O número, no entanto, é alto se comparado com o que foi aferido durante a pandemia de H1N1 em 2009, quando a taxa de doentes que vinham a óbito era de 0,01%.

Atualmente, o Brasil tem 5.103.408 casos e 150.689 mortos registrados pela doença, de acordo com o Ministério da Saúde. Nesta segunda-feira, 12, a média móvel de novas notificações da doença foi de 25.167,6 e a de novos óbitos de 573,4. A média móvel semanal é calculada a partir da soma do número de casos e mortes nos últimos sete dias, dividida por sete – o que permite uma melhor avaliação ao encontrar um número comum de registros ao longo do período avaliado.

!function(e,t,s,i){var n=’InfogramEmbeds’,o=e.getElementsByTagName(‘script’),d=o[0],r=/^http:/.test(e.location)?’http:’:’https:’;if(/^/{2}/.test(i)&&(i=r+i),window[n]&&window[n].initialized)window[n].process&&window[n].process();else if(!e.getElementById(s)){var a=e.createElement(‘script’);a.async=1,a.id=s,a.src=i,d.parentNode.insertBefore(a,d)}}(document,0,’infogram-async’,’//e.infogr.am/js/dist/embed-loader-min.js’);

Continua após a publicidade

Noticias Recentes

Preparo versátil e simples, o tofu empanado frito é o prato ideal para você

Dentre os pratos especiais para certas ocasiões, as porções tendem a ser as favoritas de muitos, não é mesmo?...

Receitas veganas fáceis almoço: Flavio Giusti apresenta as melhores e mais saborosas opções

Você sabia que ser vegano não é uma tarefa tão difícil como afirmam por aí? Pois é, e nós...

Fios de sustentação: tecnologia famosa de harmonização facial capaz de rejuvenescer sua pele

Para o Dr. Daniel Dias Machado — biomédico esteta como especialização e graduado na tríade da saúde: psicologia, enfermagem...

Como a assertividade no ambiente de trabalho pode ser útil ao profissional?

Você já sentiu dificuldade em expressar sua opinião ou dizer não no ambiente de trabalho? Na percepção de Mailon...

Incerteza da economia brasileira aumenta em maio, aponta FGV/Ibre

O Indicador de Incerteza da Economia (IIE), medido pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV Ibre),...

Fiocruz: Covid-19 representa 59,6% dos casos de síndrome respiratória grave no país

A nova edição do Boletim InfoGripe, divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) nesta quarta-feira (1º), aponta para o crescimento...

Leitura obrigatória

A nova aposta do fundador da Qualicorp no ramo de planos de saúde

José Seripieri Júnior, fundador da Qualicorp, lança nessa semana...

Universidade de Oxford retoma testes com vacina para Covid-19

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) informou na...

você também pode gostar Relacionados
Recomendado para você