Saiba quais são os fatores de risco do Câncer de Bexiga

Segundo o médico urologista Dr. Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, o câncer de bexiga está fortemente ligado a algumas características que podem ser responsáveis pela predisposição ao desenvolvimento da doença.

Sabendo disso, neste artigo, Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes revelou alguns dos fatores de risco do aparecimento do câncer de bexiga, a fim de conscientizá-los.

Cigarro

Ser fumante aumenta quatro vezes mais o risco do desenvolvimento do câncer de bexiga, além de outros tumores. De acordo com Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, as toxinas absorvidas pelo trato digestivo agridem as paredes internas, causando alterações gravíssimas do órgão.

Radioterapia

Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes comenta que a exposição à radioterapia pode também aumentar as chances do surgimento do câncer. E no caso de pacientes que já receberam o tratamento, no entanto, se tratados câncer de próstata, reto ou útero,os riscos costumam ser mais baixos.

Contato direto com anilina

De acordo com o urologista Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes, indivíduos que possuem contato direto com anilina e seus derivados, principalmente as pessoas que trabalham na indústria de couro, borracha e tinta, podem mostrar maiores chances de desenvolver o câncer na bexiga.

Falta de ingestão de líquidos

O urologista Marco Antonio Quesada Ribeiro Fortes revela que beber a quantidade correta de água por dia é fundamental. Caso contrário, os agentes tóxicos presentes na bexiga não são diluídos e, consequentemente, com o tempo acabam afetando o órgão.

É imprescindível se atentar aos seus hábitos, assim como aos sintomas para que, dessa forma, seja possível tratar o problema antes que se desenvolva para um estágio avançado. Não hesite em consultar-se na Clínica Urologica Dr Marco Antonio Fortes Ltda. A melhor forma de evitar complicações é colocando sua saúde em primeiro lugar!

Acesse o site para mais informações sobre a Clínica Urologica Dr Marco Antonio Fortes Ltda: http://marcofortes.med.br/.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui